Executivos aprovam home office, aponta pesquisa